terça-feira, 15 de junho de 2004

NOTA DE IMPRENSA SOBRE EUROPEIAS

Decorreram as eleições para o Parlamento Europeu, realizadas em 13 de Junho de 2004, cujos resultados são do conhecimento público.

A Federação Distrital de Santarém do PS entende tornar públicas as seguintes considerações :

1. Manifestar o regozijo do Partido Socialista pelos resultados obtidos no Distrito de Santarém, expressos numa vitória sobre a direita de valor superior ao da média nacional. Manifestar ainda o grande apreço pelos dois Ribatejanos que incluíram a lista do PS, Idália Moniz e António Mendes, sinais de que existem quadros de grande valor e reputação no seio do Partido Socialista no Distrito de Santarém.

2. Agradecer aos cidadãos do Distrito que manifestaram a sua confiança no PS e aos militantes que se empenharam na campanha eleitoral e que, bem assim, puderam sentir o apreço e a ansiedade dos cidadãos numa vitória do PS. Em particular, uma palavra de agradecimento aos mandatários nos diversos concelhos e no Distrito como a Drª Iva Delgado, os atletas Rui Silva, Carlos Calado, Gonçalo Amorim ou o investigador Miguel Castanho.

3. Evidenciar o facto de se tratar de uma vitória histórica, não só pela diferença entre o PS e a direita, que passou de 8% para 13,5%, mas pelo facto de a direita se apresentar coligada, PSD e PP, o que realça de forma mais objectiva a expressão da clareza eleitoral.

4. Sublinhar que este é um sinal de que os Portugueses e, em particular os Ribatejanos, desejam uma rápida mudança nas políticas do actual governo, nomeadamente no chumbo á privatização da Companhia das Lezírias, na recuperação do projecto de construção do Aeroporto da OTA ou das vias de comunicação que o governo colocou na gaveta como o IC 3, o IC 9, o IC 10 ou o IC 13, ou a correcção da desgovernação a que assistimos na Saúde, no Desemprego, na Educação e na Economia que se encontram em estado preocupante.

5. Manifestar grande preocupação pela manutenção de valores elevados na abstenção, não só em Portugal como em toda a Europa, factor que fere os princípios da democracia enquanto sistema de participação cívica por excelência, intocável e inalienável mas, seguramente, portador de deficiências que urge actualizar no sentido da sua consolidação.

Santarém, 14 de Junho de 2004

O Presidente da Federação Distrital de Santarém do Partido Socialista
Paulo Fonseca