segunda-feira, 16 de outubro de 2006

COMUNICADO SOBRE SITUAÇÃO DE ALPIARÇA

NOTA À COMUNICAÇÂO SOCIAL

O Secretariado da Comissão Política Distrital de Santarém do Partido Socialista na sua reunião de 13 de Outubro de 2006 constatou com grande apreensão os graves acontecimentos que têm vindo a ocorrer com titulares de órgãos políticos autárquicos no concelho de Alpiarça.

Se é verdade que desde a realização da última Assembleia Municipal de Alpiarça, foi incendiado o automóvel do deputado municipal Paulo Espírito Santo a quem também foram feitas ameaças de morte, foram vandalizadas as viaturas privada e de serviço da vereadora Vanda Nunes e incendiados edifícios da própria Câmara Municipal, estaremos então perante actos de terrorismo urbano com claros objectivos de intimidação política.


Esta situação é particularmente grave e carece ser averiguada até ao limite, para que os seus causadores sejam presentes à Justiça e sofram, nos termos da Lei, as consequências dos seus actos.

Portugal é um estado democrático e de direito onde as divergências entre pessoas ou instituições devem ser dirimidas nos órgãos próprios.

O Partido Socialista sempre soube erguer bem alto a bandeira dos direitos, liberdades e garantias dos cidadãos e não exitará, em utilizar todas as formas legitimadas pela Lei, para defender estes princípios consagrados na Constituição da República.

Mais de 30 anos após o 25 de Abril não podemos consentir na reactivação de novas redes bombistas.

Os autarcas socialistas de Alpiarça contam com a nossa mais activa solidariedade.

Santarém, 13 de Outubro de 2006
O Secretariado da Comissão Política Distrital de Santarém